PUBG MOBILE baniu 13 milhões de trapaceiros em três meses

De julho a setembro de 2021, PUBG Mobile já baniu mais de 13 milhões de contas por uso de trapaça, os chamados “cheaters”. Desde o começo do ano, já foram banidos mais de 50 milhões de contas.

Para incentivar ainda mais a caça aos trapaceiros (erroneamente chamado de hackers), PUBG Mobile está dando 10 mil UC para quem achar uma nova forma de trapaça ou denunciar quando encontrar hackers na partida.

Até 5 de novembro, os jogadores poderão enviar denúncias dos trapaceiros. A produtora do jogo inclusive vai assistir replay das partidas. Apelidado contra BAN PAN, você pode se informar mais sobre o sistema através de um FAQ oficial aqui.

Publicidade
  • Cada cheat inédito comprovado rende 10 mil UC;
  • Os 5 melhores jogadores (se aplicável) receberão 6 mil UC adicionais ou conjuntos épicos permanentes;
  • A cada semana, serão verificados os resultados dos relatórios divulgados, serão sorteados 3 jogadores para receber 10 cupons Classic Crate;
  • Os vencedores semanais serão anunciados nas redes sociais oficias do PUBG MOBILE.

Formulário para denunciar os trapaceiros aqui. Infelizmente, essa parte do site está apenas em inglês.

Abaixo, você confere os tipos de cheats e o percentual de banimento :

  • Modificação do modelo do personagem (30%)
  • Hacks de mira automática (17%)
  • Hacks de visão de raio X (16%)
  • Hacks de velocidade (15%)
  • Outros motivos (15%)
  • Modificação de dano de área (9%)

Além da iniciativa de caça aos hackers, que tem um nome muito engraçado – BAN PAN – PUBG Mobile implementou também um Banimento Competitivo. Serão feitas verificações extras para identificar trapaceiros durante as competições oficiais do game.

Com cerca de 70 milhões de jogadores ativos. PUBG Mobile continua sendo um sucesso. O game foi lançado em 2018 e ainda é um dos Battle Royale de celular mais jogados do mundo.

  • Dario Coutinho

    O "Gamer de Celular" Original. Criou um dos primeiros sites sobre jogos para celular em 2007, que viria a se tornar o Mobile Gamer Brasil em 2009. Formado em Ciência da Computação, escreve sobre tecnologia há mais de 16 anos. Com passagem por revistas de games (EGW, Arkade) e sites renomados como Techtudo. E-mail para contato: [email protected]

Google News