Youtuber mostra o que há de errado na comunidade de usuários do Android

2 de fevereiro de 2016 . Atualizado 05/02/2016

video-android4all-pirataria Youtuber mostra o que há de errado na comunidade de usuários do Android

Intitulado “Playstore 100% Grátis? SOU F*DÃO !!”, o vídeo postado nessa semana pelo popular canal do Youtube Android4All, é na realidade,  uma crítica aos usuários que compartilham de forma natural aplicativos piratas.

Veja também: Android 5.0 Lollipop está barrando alguns jogos piratas

No vídeo, Everton fala sobre uma coisa que é perceptível na comunidade de usuários do Android, que é a naturalidade com que muitos usuários tratam a pirataria. A coisa chega a tal ponto que inverte os valores, como o próprio Everton narra:

“Alguém reclamando por que algum canal deu uma dica e o aplicativo é pago. A pessoa reclama, xinga quem deu a dica”.

 

Everton enfatiza que pirataria é um crime previsto em Lei, mas deixa claro que o intuito do vídeo não é “apontar o dedo” e nem julgar ninguém, apenas conscientizar sobre a importância de remunerar os desenvolvedores corretamente. O canal Android4All foi um dos primeiros canais do Youtube focados em Android a nunca passar um único link de app ou jogo pirata.

O que Everton não sabe, é que há um motivo para muitos usuários quererem espalhar a pirataria para outros canais e comunidades no Youtube. O Google começou, desde 2014, a remover canais onde os “APKs+DATA” são predominantes.

Recentemente, um canal bastante popular, com mais de 35 mil inscritos, foi varrido do Youtube. O canal mais conhecido por divulgar esse tipo de conteúdo, apagou vários vídeos e mudou de nome. Canais de vídeo de Clash of Clans como Gordinho Clash e Playhard, já removeram vídeos sobre “gemas grátis” e “Xmod” para evitar que seus canais tenham o mesmo fim.

Resumindo, o cerco começou a apertar e por conta disso, está cada vez mais comum, ver usuários querendo passar esse tipo de “dica” com o intuito de “ajudar”, pois o conteúdo relacionado a pirataria tem ficado escasso e difícil de encontrar no Youtube.

Nem precisamos mencionar que nós do Mobile Gamer sempre fomos contra a pirataria. Entendemos que muitos usuários (menores de idade) não tem condição de possuir cartão de crédito ou que, na sua cidade, não possui locais de venda de Gift Cards.

Mas na grande maioria dos casos, o que as pessoas não entendem, são os benefícios de comprar apps e jogos como por exemplo: Ter sempre a disposição seus apps favoritos, a um toque de distância na Google Play, baixar rapidamente, e sem complicação, seus games em outro dispositivo Android, não se preocupar em ter sua conta banida e poder atualizar direto da Play Store. Isso sem mencionar o benefício para pequenos desenvolvedores, os mais afetados com a pirataria.

Publicidade

Quer colaborar? Envie sua dica para o e-mail: dicas[arroba]mobilegamer.com.br. Não se preocupe, não precisa ser um expert,basta ser apaixonado pelo assunto. Que assunto? Nossos amados jogos para celular.

  • Anonymus

    Mas vamos ser sinceros algumas empresas abusam muito das iaps mesmo em jogos pagos Glu, Gameloft e várias outras adoram sugar nosso dinheiro MC5 e e um exemplo antes pago e depois ficou grátis, e nessa última att estão querendo vender uma classe por 60 reais e depois reclamam de hackers e dos apks mod, mais eu concordo com o que o Everton disse comprando aplicativos a gente ajuda os desenvolvedores e ainda os incentiva a continuar melhorando nos seus próximos apps

    • chucky

      na maioria das vezes nem são as empresas, porque aqui no brasil se cobra imposto em tudo.

      • Anonymus

        Esse outro grande problema, eles conseguem arranjar um novo imposto em qualquer tipo de produto e quase nunca esse dinheiro e revertido pra população

    • mobilegamerbr

      Mas no caso de iaps, já é um problema ligado a qualidade do jogo. Pois muitos games “atrasam” o “andar” do gameplay, para manter o gamer jogando, alguns jogos fazem isso tanto que é irritante. É por isso que muitas vezes a gente avalia um jogo com gráficos excelentes como ruim, e o pessoal estranha.

    • arthur santos

      Por esse motivo mesmo que não comprei a classe bugaram ela pra mim pois uma empresa “mercenária” como essa só liga para dinheiro e não para a qualidade dos games deixando bugs,colocando coisas que deixam o jogo cada vez mais ruin, e sem dizer do lag intenso que a cada atualização fica pior ,toda atualização ele deixam um bug “benéfico” escapar e a maioria nunca consertam só para ver como eles são

  • Crítico

    Eu prefiro não baixar jogos gratuitos principalmente pelos infames iaps, mas compreendo que infelizmente esse é um modelo, digamos que “protege” o desenvolvedor do prejuízo, realmente o problema da pirataria é cultural no nosso país, fulano vende o rim pra comprar um smartphone mas não gasta digamos 10 reais por um game de qualidade, mas mesmo entre os premiuns há abusos, por exemplo minecraft story mode completo no ios me custou $20(pra minha filha) um preço no mínimo obsceno atualmente, estamos falando de mais de 80 reais, enquanto isso no Android a primeira parte comprei por 0,40 centavos mas os outros capítulos 58 reais? Fala sério telltale, quero apoiar o desenvolvimento de qualidade não enriquecer ninguém kkkk abraços

  • Raul Pereira

    Só baixo jogo pela Play Store!! Se o jogo for pago e eu não quiser pagar não baixo, acho que a única vez que instalei um jogo por APK foi o HeartStone, pois não estava disponível ainda e ele é um jogo gratuito.

  • mauro de khriszaor

    Eu baixo da net porque o google play service diz que o jogo nao é compativel com meu dispositivo quando na verdade é compativel sim.
    Ja na loja do meu android aparece 2 jogos que nunca meu dispositivo vai rodar-nunca mesmo
    Eu procuro apenas o APK que os dados sao baixados via wifi.

  • mauro de khriszaor

    Podia o google play separar os jogos de acordo com o processsdor do android(dual core,quad core,octa, etc), porque tem tablet single-core que a loja google play diz que mortal kombat X é compativel.
    Ou entao separar pela memoria RAM.