Gameloft deixa claro que não fará mais jogos Premium (pagos)

19 de abril de 2016 . Atualizado 19/04/2016

gameloft-logo-2016 Gameloft deixa claro que não fará mais jogos Premium (pagos)

Uma resposta a um usuário enviada pelo Twitter oficial da Gameloft (Alemanha) pode ter deixado claro, mais uma vez, que a nossa queridinha não apostará mais em jogos pagos. Pela rede social, a produtora afirmou que “Nós não estamos produzindo jogos premium, todos os nossos jogos futuros serão Free to Play”. Confira o tweet original (que já foi removido).

Gameloft-Free-To-Play-Android-Games Gameloft deixa claro que não fará mais jogos Premium (pagos)

O tweet foi recebido com uma certa comoção pelos “atrasadinhos de plantão”. Gente, vamos combinar uma coisa, desde 2012, a Gameloft colocou um ponto final nessa história. São quatro anos de choradeira! Enquanto isso, vocês perdem a chance de conhecer games de outras produtoras, principalmente, de empresas pequenas, que vem mandando muito bem!

Veja também:

Na realidade, a Gameloft tem outras preocupações do que apostar em um modelo de negócio que não funciona mais para uma empresa tão grande. Atualmente, a dona de Modern Combat, N.O.V.A e outras inúmeras franquias tem games demais para administrar. Modern Combat 5, por exemplo, possui problemas de desbalanceamento, desconexões, bugs, visual fraco em muitos aparelhos top, e falta de atualizações. Um jogo dessa linha, era para ter updates constantes e campeonatos mensais.

A falta de suporte decente para controles também é algo preocupante, pois embora não sejam necessariamente populares, a ausência de suporte a joysticks impede os jogos da Gameloft de explorarem outras plataformas como TVs rapidamente.

A Gameloft tem um grande desafio pela frente. A popularidade dos seus jogos impede que muitos simplesmente sejam deixados de lado, como fazem muitas produtoras grandes (EA por exemplo). Porém, a quantidade grande de jogos antigos, fazem com que a empresa pareça velha e ultrapassada, frente a outras produtoras mais novas e focadas em um ou dois jogos.

Fonte: Droidgamers

Publicidade

Mestre na arte oculta dos joguinhos de bolso. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer.

  • Wanderson Guzzoo

    KKKKKK com certeza free to play e pay to win!

    • Isley Matias

      kkkkkkkkk realmente

  • Vitor Rogerio

    Gameloft morreu faiz tempo,agr existe so Bugloft

  • Anonymus

    Por que eles não falam logo que a única coisa que eles querem da gente é nosso dinheiro, agora começa a era GrabLoft com seus mil e um modos de arrancar dinheiro do seu bolso

  • Weliton José

    Se os jogos pelo menos tivessem uma qualidade parecida com os da SuperCell, a galera não reclamaria tanto. Mas pagar por compras in app, pra depois o jogo perder suporte ou “sumir” com sua conta? Miga não tem como te defender

    • BRplayer

      Orra, nem fala, há um tempo atrás, fiz a burrice de comprar um pacote de cédulas do FIFlixo 16 e depois de 3 dias o jogo reiniciou e adivinha?! Perdi a p**ra toda, cédulas, progresso, jogadores, desinstalei e nunca mais baixei essa 💩 e vou passar longe dos próximos.

  • BRplayer

    A Gameloft já era hà muito tempo. Eles se preocupavam com os jogadores (pelo menos no meu ponto de vista), faziam jogos de boa qualidade, hoje fazem qualquer coisa de qualquer maneira, não são iguais antigamente, visando apenas tirar nosso dinheiro.

  • STV

    tem 2 jogos de peso pra sair da gameloft se ela não acerta agora ai pode desisti dela!

  • João Victor

    Gamelofot é tipo a Ubisoft dos Mobiles

    • Gameloft é uma divisao da ubisoft. Ou seja, Ubisoft e dona da Gameloft.

  • Leandro Rodrigues

    Realmente a Gameloft, principalmente a BR, peca muito em suporte e informações para os jogadores. Já tive problemas em vários jogos e o feedback do suporte veio semanas depois que o problema foi resolvido e sempre com as mesmas instruções básicas que qualquer jogador sempre faz ao encontrar problemas. A comunicação entre os suportes e o pessoal técnico responsável por manter e arrumar esses problemas é muito ruim. Ela possuí títulos bons, gostosos de jogar, mas os bugs tiram todo o brilho dos jogos. O que eu acho que a Gameloft BR deveria fazer, ou qualquer outra em outro país, é tentar adequar o valor das compras internas a situação econômica do país. Se os preços fossem menores, eu não me importaria de, pelo menos uma vez por mês, comprar um pacote de itens. Até hoje só comprei um pacote de jóias em Dungeon Hunter 5 porque estava na promoção e ainda tinha prêmio diário, depois disso, nunca mais.

  • Toddy Santiago

    adianta nda, faz jogo gratis com compras in games e mto caras

  • Uma atitude e tanto para uma fabricante de jogos desse calibre!!! Estou curtindo todos os jogos e vou gravar um detonado de todos para meu canal no YouTube, porque são super produções que merecem ser assistidas até o fim!!!

  • mauro de khriszaor

    Traduzindo: CAPITALISMO meu filho!!!
    Nada é de graça nesse universo o GRÁTIS só é pra baixar o resto…te vira aí oh!
    Se ela lançar um game por 30 reais ela só vai ganhar 30 reais por aquele game. Mas é se ela deixar aquele game grátis e cobrar 700 reais pelos itens dentro do game, num vai ter mais lucro??? Vai sim!!

  • mauro de khriszaor

    200 reais um pacote de fichas num game pra celular? ??
    Prefiro comprar um game pra console ou PC!!!

  • Robert Gimenes

    agradeço a Gameloft acompanho desde a época de games java. mas todas empresas pensam em ganhar dinheiro a produçao de um game nao é barata e manter ele no ar complicado, mas sempre estao inovando e lançando novas franquias. tenho muito a agradeçer pelas varias hrs de jogatina em meu smartphone. se puderem de uma força em meu canal ai amigos. humildegames vlw mobilegamer por atualizarmos sempre.

  • Wanderson

    È triste pois os jogos da Gameloft eram bons, o problema é que os free to play sempre te obrigarão a pagar para continuar o jogo pois alguns são impossíveis de passar se não pagar para melhorar, o problema disso é que os jogos ficam extremamente desbalanceados em certos níveis e então frustrantes.
    Preferiria um game mais caro mais completo para poder terminar do que encher a paciência em uma fase mais distante e não conseguir terminar o jogo.

  • Volmir Koch

    clarro os in-app são mais carros do que o proprio jogo