Análise Mortal Kombat X: um pequeno aperitivo estragado com microtransações

12 de Abril de 2015 . Atualizado 13/04/2015

mortal-kombat-mobile-celular-android-ios Análise Mortal Kombat X: um pequeno aperitivo estragado com microtransações

Mortal Kombat X, para Android e iOS, seria um jogo bom jogo de luta … se não fosse algumas decisões da produtora. A aposta por comandos “estranhos” nos controles já era esperada por nós, mas o estúdio NetherRealm criou um sistema de cartas desnecessariamente complexo, com muitas microtransações e sem multiplayer local ou online.

Antes de qualquer coisa, Mortal Kombat X Mobile é um jogo pensado apenas para acompanhar a versão para consoles (Playstation 3, Playstion 4, Xbox One e Xbox 360).

Tendo isso em mente, nós aqui do blog não esperávamos nada além do que já tinha sido mostrado em games como Injustice (Android e iOS) e WWE Immortal (Android e iOS). Golpes com toques na tela, deslizes, e quick time events. Porém, há muitas decisões controversas na criação desta versão mobile de Mortal Kombat X.

– Sistema de luta com cartas

Vamos explicar como funciona o jogo. Mortal Kombat X é um jogo de luta de times de 3×3, onde os comandos são baseados em toques e gestos sobre a tela. Toque a tela para um ataque simples e deslize o dedo da esquerda para a direta para um ataque mais forte.

Os combos consistem em um quick time event, onde o jogador deve tocar na tela no momento exato, ou tocar na tela rapidamente. Com isso, o dano é multiplicado. Para alternar entre os três lutadores que você possui, basta tocar no ícone deles no meio do combate.

mortal-kombat-x-android-ios-1 Análise Mortal Kombat X: um pequeno aperitivo estragado com microtransações

Após cada luta, o jogador ganha pontos que podem ser trocados por cartas. Há dois tipos de monetização, as “Koins” que servem para comprar pacotes de cartas e as “caveiras verdes/souls” que servem para comprar personagens do jogo. Os problemas começam quando as “caveiras verdes” que você ganha são muito poucas, e os personagens principais de Mortal Kombat são muito caros.

– Você passará boa parte do tempo NÃO jogando com os personagens principais

O game começa com um breve tutorial mostrando os comandos. Para isso, é apresentada uma luta entre Scorpion e Sub-Zero, dois ícones de Mortal Kombat. A apresentação é linda com direito a Fatality e tudo mais. Contudo a boa impressão logo vai embora.

Em seguida, o jogo te dá um conjunto com três lutadores “genéricos”, um ninja e outros dois lutadores. Depois disso, o game segue uma ciclo simples: você lutará para desbloquear novos lutadores, incluindo os clássicos.

mortal-kombat-x-android-ios-2 Análise Mortal Kombat X: um pequeno aperitivo estragado com microtransações

Scorpion delícia? Só no começo.

Com as cartas ganhas após cada combate, você poderá também desbloquear novos golpes para os seus lutadores, melhorar o dano, defesa e mais.

– Quer logo os Fatalities? Pague!

A parte ruim desse sistema de desbloqueio de personagens reside na hora de aplicar os Fatalities, as famosas finalizações de Mortal Kombat.  Mesmo que você desbloqueie um lutador como Johnny Cage, Kitana, Sub-Zero e outros, será preciso que seja uma carta ouro, para poder usar todos os golpes e Fatalities.

Sim, isso mesmo! Você passará um bom tempo sem jogar com os lutadores de Mortal Kombat e pior, sem poder fazer Fatalities e outras finalizações.

Mortal-Kombat-X-iphone-1 Análise Mortal Kombat X: um pequeno aperitivo estragado com microtransações

Gráficos legais e só!

Não é fácil desbloquear lutadores, leva um bom tempo. E a grande maioria deles, serão lutadores com cartas “prata”, ou seja, sem Fatalities. Assim, caso você queira ver sangue, deve literalmente pagar por isso. De cara, uma péssima decisão da produtora do game.

– Sem modo multiplayer online ou local

Outra coisa que deixou nossa impressão deste jogo bastante ruim é a ausência de modo multiplayer. A única interação com outros jogadores, será nas Guerras de Facções que ainda estão marcadas como “Em breve”.

Há um modo para convidar o lutador de um amigo para detonar o adversário com um combo, com direito a Raio X e tudo mais. Entretanto, essa opção só pode ser acessada de vez em quando, no fim da luta, você pode se aliar àquele jogador e o personagem dele ficará disponível para servir de “striker”.

– Gráficos bem legais

Provavelmente o que deve ter capturado boa parte da atenção dos jogadores foi o visual de Mortal Kombat X. Os gráficos são muito bonitos e apesar dos cenários genéricos, os personagens tem bons detalhes. Mesmo que a baixa contagem de polígonos seja visível em alguns momentos.

– Conclusão

O visual pode até agradar, mas definitivamente o sistema de luta não é o que muitas pessoas imaginaram. Simples e sem criatividade, o combate em Mortal Kombat X Mobile é insosso. Para estragar ainda mais a experiência, o sistema de cartas deixou o jogo “caro”, com o absurdo de jogar sem Fatalities.

+Prós

  • Bons Gráficos
  • Fácil de jogar
  • Em português

-Contras

  • Sistema de monetização
  • Ficar sem Fatalities logo no começo
  • Muito difícil desbloquear personagens clássicos

Nota 5/10

 

Ficha Técnica

Plataformas / Link para Download: Android 4.0+,  iOS 7+

Tamanho: 826 MB

Idioma: Português

 

Lei Também:

“Ultimate Mortal Kombat 3” para iOS recebe atualização com novidades

Review Ultimate Mortal Kombat 3 (iPhone)

Publicidade

O Gamer de Celular Original. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer. Também é retro colecionador.