Gráficos de PS4 no Android serão “possíveis” com o Project Logan da Nvidia

24 de julho de 2013 . Atualizado 13/02/2014

NVIDIA_Siggraph_Mobile_HR_21-500x312-2 Gráficos de PS4 no Android serão "possíveis" com o Project Logan da Nvidia

Hoje, a Nvidia liberou novidades em seu blog que irão estremecer o mundo dos videogames. O Project Logan, um sucessor do TEGRA 4, assustou internautas ao ser demonstrado rodando o IRA, uma demo facial que já era impressionante ao ser demonstrada em um computador top de linha. No vídeo abaixo, é possível conferir a demo rodando em “real time” em um dispositivo móvel rodando Android.

Algumas das características e recursos que o Project Logan possibilitará aos desenvolvedores:

 

  • Tessellation – que cria a geometria de forma dinâmica e eficiente na GPU a partir de descrições de alto nível, dimensionamento triângulos de forma otimizada com base no ponto de vista do usuário.
  • Compute-based deferred rendering – calcula o efeito de todas as luzes em uma cena em uma única passagem de renderização adiada. Esta capacidade do OpenGL 4 melhora a eficiência de renderização adiada e escalabilidade em comparação com implementações atuais baseados em OpenGL ES, que exigem uma passagem extra para cada fonte de luz na cena. A escalabilidade da abordagem baseada em computação também abre o caminho para a iluminação de modelos ainda mais avançados, como o uso de pontos virtuais de luzes para efeitos de iluminação globais aproximados.
  • Algoritmos de anti-aliasing e pós-processamento avançado – oferecerão melhor qualidade de imagem, particularmente em áreas de contraste de cor muito forte, fazendo multi-sampling mais programável e permitindo que os aplicativos implementem seus próprios filtros anti-aliasing. Estes também permitem efeitos de pós-processamento mais eficientes e de qualidade cinematográfica, como motion blur e profundidade de campo.
  • Física e simulações – simulando o comportamento físico dos objetos renderizados, como calcular a dinâmica de corpo rígido ou animação de partículas de fumaça. Isso permitirá aos jogadores desfrutar de mundos virtuais mais detalhados, totalmente interativos não era possível anteriormente em dispositivos móveis.

 

Tudo parece incrível e mesmo que críticas precipitadas caiam em cima do quesito bateria, devemos aplaudir o feito. Embora toda essa qualidade gráfica não esteja presente nos nossos bolsos nos próximos meses, tal fato, já aponta que os games seguirão a mesma convergência da Internet e filmes, ou seja, independente da plataforma, eles estarão em qualquer uma delas.

NVIDIA_Siggraph_Mobile_HR_1-500x312 Gráficos de PS4 no Android serão "possíveis" com o Project Logan da Nvidia

A GPU Logan pode revolucionar a plataforma mobile adicionando suporte a tecnologia e engines antes exclusivos dos jogos de PC e videogames. Com suporte para OpenGL 4.4, OpenGL ES 3.0 e, algo impensável,  DirectX 11! Além dos recursos citados acima. Em suma, pode-se afirmar que em um futuro próximo não haverá distinção entre essas duas plataformas (PC e Mobile) e qualquer jogo, facilmente passeará entre as duas sem a menor dificuldade de execução.

Fonte: Blog da Nvidia

Publicidade

Mestre na arte oculta dos joguinhos de bolso. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer.

  • lesomora

    Cara acho isso soa muito como “utopia” “paraíso”,

    vai depender de um monte de coisas, mas acho que isso é possível. Tipo não adianta obviamente ter uma ótima GPU mas a memoria ram e o CPU não acompanhar a coisa toda, temos o exemplo do Xplay que tem uma ótima GPU mas a CPU e a Ram deixa a desejar, claro isso exemplificando no contexto atual dentro disso por exemplo o XPlay roda bem o PPSSPP por conta da sua GPU boa, entende? tipo se os outros requisitos não acompanharem não serve de nada.

    Além do que não vimos um Benchmark disso ou alguma engine razoavelmente boa ou completa com personagens, quadros e tudo mais rodando. Mas estou feliz em saber que a próxima geração de portátil sem mensurar quem vai existir claro até lá, usará essa grande tecnologia no aparelho oo/

    Só acho que com os A56 e A57 isso possivelmente será possível no futuro, contudo estou curioso, temos outro exemplo nessa geração de que requisitos influencia muito. Vita a GPU e o CPU são ótimos para um portátil focado apenas em jogos, mas a pouca ram e a taxa de transferência faz os jogos multi entre o PS3/Vita One Piece Pirate Warriors 2 tenha certos problemas e mesmo com as propagandas e os sites fanboys de que o vita tem mais ram que o PS3 não chega perto do irmão mais velho.

    Agora só falta as grandes empresas apoiarem a coisa toda e o shild não virar apenas um console streaming “acho que é assim o termo”