Clash Royale: que lições tirar sobre os balanceamentos constantes

29 de junho de 2016 . Atualizado 29/06/2016

clashr-royale-balanceamentos Clash Royale: que lições tirar sobre os balanceamentos constantes

Clash Royale tem tido balanceamentos constantes das cartas mais usadas VS as menos usadas. Antes era mês a mês, e agora, em menos de 15 dias, a Supercell anuncia um novo ajuste dessas cartas. Apesar de ser algo chato para quem vai ser “nerfado”, esses ajustes são bem menos danosos do que você imagina.

O objetivo, a princípio, é manter o jogo equilibrado. Mas claramente é um combate contra as estratégias mais dominantes, ou seja, as criadas e usadas pela maioria dos jogadores. Nessa quebra de braço de produtores vs jogadores criadores de decks, o objetivo é deixar as partidas muito mais equilibradas.

É motivo para ficar chateado? De modo algum. Em Clash Royale não existe upgrade perdido ou carta “morta”. As que assim estão, provavelmente serão “buffadas” pela Supercell para que entrem no “meta game”, ou seja, passem a ser mais usadas. Como foi o caso de Gigante real e Três mosqueteiras. Resumindo, apague da cabeça a ideia de que você não vai ter que “upar” todas as cartas do game, porque você vai ter que fazer isso sim! Cedo ou tarde.

A dica é: Não dê tanta importância para os rebalanceamentos, pois será uma prática constante a partir de agora. E anote aí: ainda vão fazer um segundo nerf no corredor, pois assim como o “buff” do Barril de Goblins, a primeira mudança praticamente não surtiu efeito.

Veja as notas sobre o novo balanceamento: https://clashroyale.com/pt/blog/release-notes/balance-changes-coming-7-4

Publicidade

O Gamer de Celular Original. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer. Também é retro colecionador.