Pseudo-Review: Galaxy SIII é o novo top de linha do mercado de smartphones

10 de junho de 2012 . Atualizado 31/10/2012

O novo “Ultraphone” da Samsung, O Galaxy SIII já chegou ao Brasil e está disponível para compra em várias lojas em São Paulo. Pelas operadoras e para todo o Brasil a partir de amanhã (11). O aparelho é a coisa mais luxuriante do momento e o novo rei das “specs”. Destroná-lo como “o melhor smartphone do mercado” será uma tarefa difícil para o futuro iPhone 5.

main-galaxy-siii Pseudo-Review: Galaxy SIII é o novo top de linha do mercado de smartphones

Ainda não superei esse "Design for humans" da propaganda, mas tudo bem (Foto: Divulgação)

Antes de qualquer comparação com iPhone 4S, deixa eu dizer que já estamos em outra categoria. A Samsung deu um salto no hardware e estamos falando de um aparelho com processador quad-core de 1.4GHz e 1 GB de RAM (na versão coreana são 2GB de RAM). Mais potente do que o computador de muita gente, não é de se estranhar que o aparelho chegue por aqui custando acima dos 2 mil reais. Uma eventual queda no preço deve ocorrer, mas devido a badalação como um “iPhone Killer”, o preço do SIII deve demorar para cair.

Especificações

Quad-band GSM e quad-band 3G
Suporte a 21 Mbps HSDPA e 5.76 Mbps HSUPA
Tela de 4.8 polegadas 16M-color Super AMOLED capacitive touchscreen e HD (720 x 1280 pixel) Corning Gorilla Glass 2
Sistema Android OS v4.0.4 com TouchWiz launcher
Processador 1.4 GHz quad-core Cortex-A9 CPU, Mali-400MP GPU, Exynos 4 Quad chipset e 1GB de RAM
Câmera 8 MP wide-angle lens autofocus com LED flash
Gravação de vídeo de 1080p HD a 30fps
Wifi Dual-band 802.11 b, g, n
GPS com A-GPS; suporte GLONASS e Búlsula digital
Versões em 16/32/64GB  de espaço com possibilidade de aumento de espaço com cartão microsd
Acelerômetro, giroscópio e sensor de proximidade
Engrada para fone de ouvido padrão
microUS Bcom USB host and TV-out (1080p), Não tem saida micro-hdmi
Stereo Bluetooth v4.0
Radio FM (ainda usam isso?)
Great audio quality
Super fino com apenas 8.6mm de espessura
Camêra fronta de apenas 2MP
navegação web com suporte completo ao Flash
NFC
Document editor
Bateria parruda de  2100 mAh

Para um aparelho absurdamente caro, as desvantagens do Galaxy SIII se resumem a receber apenas o aparelho, um fone de ouvido “meio-boca” e um carregador. A Samsung poderia ter colocado um kit veicular ou fone bluetooth para enriquecer a experiência e agradar o usuário que não tem tanto dinheiro assim.

O acabamento da carcaça é lindo e visualmente ergonômico para o bolso. A tela, 4.8″ polegadas, apesar do tamanho não parece um trambolho e é perfeitamente usável com apenas uma mão (isso se você levar em conta que o público de aparelho são homens, geralmente, pais de família).

Nos benchmarks, como sempre damos enfase apenas ao que nos interessa, O Galaxy SIII se mostrou mais potente até que o iPad 2 para gerar gráficos 3D. Se quiser ver mais benchmarks é só visitar o review do GSMArena.

benchmark-galaxy-siii Pseudo-Review: Galaxy SIII é o novo top de linha do mercado de smartphones

Galaxy SIII é, com folga, o smartphone mais poderoso do mercado (Foto: GSMArena)

A performance do iPad 3 (chega de nomes errados ok? Vou chamar de 3) não deve ser levada em consideração pois no teste, a resolução estava reduzida (720p). Ou seja, em um cenário real com resolução padrão ( 2048×1536 pixeis) o resultado dele iria cair para algo perto do iPad 2.

Para quem curte games, a única tristeza é saber que o Galaxy SIII vem com Mali, e não com um Nivida Tegra 3 ou 4. Pois,  para quem anda acompanhando as novidades da Nvidia, a empresa está investindo alto em jogos muito bonitos para smartphones. Mesmo não contando com os títulos optimizados da Tegra Zone, a performance nos games é acima da média.

 

Aqui no Brasil, o Galaxy SIII tem poucos adversários. Se lá fora existem as opções: LG Optimus 4X HD P880, Meizu MX quad-core, Huawei Ascend D quad e Huawei Ascend D quad XL, por aqui, o Galaxy SIII irá reinar absoluto até a chegada do iPhone 5.O LG Optimus 4X HD tem uma configuração muito similar ao SIII, mas parece que vai perder o bonde por simples questão de logística.

Mais informações, comparativos e outros testes para câmera, fones, e pixeis de tela, visite GSMArena.

Publicidade

Mestre na arte oculta dos joguinhos de bolso. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer.

  • Ka

    E meu amigo acho q voce ta errado os processadores dos smartphone são 16 bits e o e os pc já estão em 64bits e ele não tem tanta diferência do iPhone 4s não

    • Dario Coutinho

      Olá, Ka

      A analogia de que é mais rápido que o pc de muita gente é válida, tomada as devidas proporções, pelo simples motivo que muito pc não rodar os games que rodariam no Galaxy SIII.

      Quanto ao comparativo com o iPhone 4S, é sim, bastante diferente em qualquer escala (empate seria apenas no quesito câmera). iPhone 4S é um excelente aparelho, mas basta por eles lado a lado que as diferenças aparecem.

      Sem fanboyismo, você há de concordar que um futuro iPhone 5 com o mesmo processador e ram do iPad 3 apenas ficaria de igual pra igual com o SIII.

  • rapaz eu acho que este galaxy s3 nao ta com nada o tegra 3 ta melhor que ele neste video comparando ele com o tegra

    http://www.youtube.com/watch?v=HpzkCTe76Bc&feature=related

    • Dario Coutinho

      Levando em consideração exclusivamente “gráficos” concordo com você que o Tegra 3 é bem mais engajado e conta com efeitos que as outras GPU não tem, nem iPhone (repito, nem iPhone).

      Mas tá faltando a Nvidia ter uma parceira de “responsa” Por que aparelhos da HTC e Asus só se encontram em grandes centros enquanto os “Galaxy” se vê por toda parte.

  • jamesson

    Um futuro iphone5 seria mais potente que o s3 fácil se tiver o mesmo chip gráfico do ipad3. Vemos nos testes que o ipad3, com um downscale para 720p teria resultado bem mais satisfatórios. O problema é que a resolução do iPad é bem maior que isso. Já o iphone tem resolução bem menor. Não chega nem a 720p, mesmo tendo uma densidade maior que 300dpi. Por isso acho que ele se sairia melhor.

  • Ultimamente, não entendo mais o mercado de Smartphones

    É uma empresa X querendo mostrar seu smartphone mais potente que a empresa Y, tudo bem, o mercado é assim, mas ficar lançando um aparelho por ano com uma “obsolência de mercado programada” não dá né? Você compra um super smartphone hoje e mês que vem ele já está obsoleto! Sim, eu sei, evoluem muito rápido, mas assim já é demais

    Hoje é Dual-Core, Amanhã Quad-Core, Penta-Core, depois Hexa-Core, e por aí vai.

    Ultimamente, estão levando mais em conta o lucro do que a satisfação do cliente e a durabilidade do aparelho no mercado.

    Tenho um 3GS e só pretendo realmente trocar de aparelho quando ele sair de linha, apesar do 3GS já estar defasado e muito atrasado no mercado, vou esperar um bom aparelho, e não só o mesmo aparelho que mude só de processador todo ano.

    Quanto ao Galaxy SIII, espero que saibam dar valor na durabilidade das capacidades de Hardware do aparelho, já que é praticamente um super computador no bolso e tem Hardware suficiente para suportar cerca de 3~4 anos no mercado… mas claro, as empresas mercenárias não estão nem aí pra isso.

    • Cara, vc falou tudo, há tempos que eles não estão nem ai para a satisfação do cliente, e como vc disse as coisas estão evoluindo mas desse jeito já é um exagero

    • Dario Coutinho

      É questão de mercado: TEM QUEM PAGUE. No iOS a obsolência é “justificada” por telas cada vez com mais resoluções e no Android pelo projeto do SO que faz que necessitamos de telas de 4 a 5 polegadas.

      Particularmente a Apple já está forçando a barra, fragmentação é algo que sempre vai existir, ainda mais num ramo dinâmica. O exemplo é uma série de features do iOS 6 que não estão no iPhone 4. Se isso não é fragmentação, não sei mais o que é.

      Rodava o iOS 5 no em um iPod Touch 4G com alguns engasgos, só para poder rodar certos jogos. Depois que descobri como “enganar” os aplicativos para que pensem que estão em uma versão mais nova, não atualizo mais o SO e não recomendo a ninguém a não ser que seja VITAL.

      Taís aplicativos eu compro pelo iTunes e transfiro pelo cabo usb.

      Sempre reparei que depois de cada atualização o aparelho ficava mais lento e eu ganha apenas uma nova “firula” para justificar o update.

  • Concordo plenamente com o Dario coutinho ,cara me interesei muito por esse truque de enganar o sistema para que pense que esta numa versão atualizada ,vc poderia posto o tuto,blz

  • tive um iphone primeira geracao, comprei logo que lancou, nem imaginava o que era um iphone, comprei pq era o mais vendido no mercado livre, depois descobri como usar e usufluir de todas opcoes, vendi posteriormente e hj volto a linha smartphone com um galaxy s3, comprei aqui na alemanha pangado R$1300,00 reais, completo, com 4G e tudo mais, um plano de 1gb mensal de dados por 15 euros…

    o que mais acho absurdo é o brasil nao suportar tais smartphones, com a rede de dados que temos no brasil pelo menos onde moro, sorocaba a 100km de SP, é ridículo falarem que oferecem 3G e vao implantar até 2013 a rede 4G sendo que nem GPRS usa-se direito, mas é entendível já que com os APP de hj em dia, pode-se enviar SMS de graca, pode-se falar de graca, skype, entao para que melhorar a internet? para perder contratos milionários com minutos para se falar?

    primeiramente deveria-se melhorar o sistema brasileiro de dados para depois pensar em um celular tao potente, nao é a toa que o S-VOICE nao vai chegar junto com o S3 brasileiro, aqui uso ele normal e é lindo de se ver, para um país de terceiro mundo com impostos absurdos e um governo mais ladrao que muito presidiário teria que ter apenas tijolar…

    detalhe, pagava R$30 reais num plano de 250mb da TIM, falaram que tinha que ter um plano pós, naquela época a uns 5 anos atrás, mas consegui um chip pré com dados, incrível nao?

    depois qndo souberam que eu tinha um iphone queriam subir o preco, qual motivo? o valor do celular? pq tem-se planos diferentes para iphone, galaxy e blackberry? a internet deferencia cada um? acho que nao…

    na minha humilde ignorância creio que os dados seriam os mesmo usados, agora, pagar 30 reais a mais só pq vc tem uma marca ou outra? isso é tipicamente de brasileiro que só pensa em se dar bem em cima do outro…