Jogos que não veremos tão cedo – Parte 1 – Resident Evil: Operations

6 de janeiro de 2010

h-607_72185_1.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operationsh-607_72185_2.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operationsh-607_72185_3.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operationsh-607_72185_4.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operationsh-607_72185_5.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operationsh-607_72185_6.jpg Jogos que não veremos tão cedo - Parte 1 - Resident Evil: Operations

Na pele de Chris Redfield ou Jill Valentine, salve sua pele na mansão que assombrou Resident Evil no Playstation.
O jogo tambem chamado de Resident Evil: EZweb Operations (por ser publicado pela EZweb) conta com 100 missões e foi lançado após RE: The Missions (devido ao grande sucesso deste game) e possui gráficos melhores por ter sido feito em Brew 3.1.

Jogo exclusivo para celulares Japoneses.

fonte: forum mobilegamesrevolution.com

Mestre na arte oculta dos joguinhos de bolso. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer.

  • Tsukiyomaru

    Verdade sobre esse jogo: o "Bio Hazard: Operations" é o "Resident Evil: The Missions" do Japão. creio que seja baseado no primeiro RE por talvez ter sido criado pouco depois do mesmo, ou criado para celebrar seu remake no Gamecube. Quanto ao "The Missions", esse pode ter sido feito sob demanda dos ocidentais, que ficaram com inveja dos japoneses. Ambos compartilham muitas missões, mapas e inimigos. No entanto o armamento fica em dúvida.