PUBG Mobile faturou quase o dobro que Free Fire em janeiro

pubg-mobile-royale-pass-season-11 PUBG Mobile faturou quase o dobro que Free Fire em janeiro
O mês de janeiro foi relativamente positivo para a Tencent Games e PUBG Corporation. PUBG Mobile teve um grande aumento no seu faturamento, e superou seu principal rival, Free Fire, com uma larga vantagem.

Segundo dados do site Sensor Tower, a versão para celular de PUBG faturou cerca de US$ 57 milhões de dólares (em torno de R$ 248 milhões de reais), enquanto Free Fire faturou cerca de US$ 30 milhões (R$ 130 milhões).

faturamento-pubg-mobile-jan-2020 PUBG Mobile faturou quase o dobro que Free Fire em janeiro
PUBG Mobile possui inúmeras versões no ocidente.

faturamento-free-fire-jan-2020 PUBG Mobile faturou quase o dobro que Free Fire em janeiro

Há um pequeno detalhe. Não está sendo contabilizada aqui a versão chinesa de PUBG Mobile (Game for Peace). Essa versão fatura muito mais que a versão ocidental, mas os dados dela, não aparecem no site Sensor Tower.

Então, o que tivemos em janeiro para explicar o salto no faturamento do PUBG Mobile? Em janeiro, aconteceu o lançamento da 11ª temporada, com novas skins, novos mapas para o modo Dominação e muito mais.

As novidades de janeiro se somaram com outras boas implementações que o estúdio LighSpeed & Quantum adicionou ao game. O modo Equip. Fury, o modo Dominação, a ótima atualização de Natal no mapa Erangel, com muito mais loot, dentre outras coisas. Tudo isso culminou para trazer velhos e novos jogadores de volta ao game.

Atualmente está acontecendo a fase grupo do campeonato de PUBG Mobile Club Open (PMCO) com equipes do mundo inteiro, incluindo o Brasil.

PUBG Mobile pode não ser exatamente unanimidade em nosso país, mas o jogo é bastante jogado em países populosos como China e Índia.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *