iPhone torna Apple maior fabricante de celulares dos EUA

1 de maio de 2010

Ao divulgar resultados financeiros do 1.º trimestre, Motorola afirmou ter vendido 8,5 milhões de aparelhos, menos que os 8,8 milhões de iPhones do período.

Com pouco mais de três anos no mercado, o iPhone tornou-se o celular mais vendido dos EUA.

Citado brevemente pela Forbes em um comunicado da Motorola sobre o resultado financeiro do primeiro trimestre, a Apple tornou-se a maior fabricante americana de celulares. No primeiro trimestre de 2010, a Apple vendeu 8,8 milhões de iPhones, enquanto a Motorola ficou com o segundo lugar, com 8,5 milhões de aparelhos vendidos.

No entanto, a Forbes nota que quatro anos atrás, quando o Razr estava na moda, a Motorola chamou para si o título de maior fabricante de celulares dos EUA, com a estonteante marca de 46,1 milhões de celulares vendidos no primeiro trimestre.

Dos 8,5 milhões de aparelhos vendidos pela Motorola, apenas 2,3 milhões foram smartphones que realmente competem com o iPhone. A fonte de lucros da Motorola parece ser ainda os celulares comuns (ou os que são comumente chamados “feature phones”), apesar de o smartphone Droid, com o sistema Android do Google, ter ajudado a empresa a vender mais aparelhos do que a Motorola havia previsto para o período.

Ao redor do mundo, o iPhone também está vendendo bem. No evento de apresentação do iPhone OS 4.0, a empresa anunciou ter vendido mais de 50 milhões de iPhones, e 35 milhões de iPod Touch globalmente. No ano passado, as vendas de iPhone cresceram 72% no Japão, um mercado que até então se mostrava hostil ao celular da Apple.

fonte: http://macworldbrasil.uol.com.br/noticias/2010/04/30/iphone-torna-apple-maior-fabricante-de-celulares-dos-eua/

Mestre na arte oculta dos joguinhos de bolso. Passou por várias gerações (Java, Symbian, N-Gage). É o criador e idealizador do Mobile Gamer.