Peter Molyneux conseguiu de novo! The Trail é um ótimo jogo para Android e iOS

Por Redação

the-trail-android-ios-game-baixar-apk

Peter Molyneux é um desenvolvedor bastante conhecido na indústria dos jogos eletrônicos. Seja pelo design curioso dos seus jogos ou pelas polêmicas, não dá para negar que o cara é genial. E apesar de ter errado bastante nos consoles e PC, ele vem acertando em seus jogos mobile.

Leia também:

Depois de Godus (Android, iOS e PC), seu mais novo lançamento The Trail é um hit instantâneo na Google Play. Em menos de uma semana, o game já passou das 500.000 instalações e está chegando a um milhão. Parece “pouco”, se comparado a outros sucessos como Pokémon GO e Clash Royale, mas vale lembrar o qual estranho é “The Trail”.

 – Como é o Jogo?

Neste game, você é um colono (eu diria que está mais para um mendigo), que passeia por vastas florestas, coletando itens e cumprindo pequenas missões. Você pode craftar ferramentas e melhorar o seu personagem ao longo do tempo, com roupas mais confortáveis. Mas o jogo não é nem um Minecraft e muito menos um game de mundo aberto.

Você passeia de acampamento em acampamento, seguindo sempre a “trilha” (Por isso o The Trail). O legal deste game é que a exploração não é feita sozinha. Ao longo do percurso, você encontra outros personagens, faz amizades e até pode roubar itens deles.

the-trail-android-ios-game-baixar-apk-1

A sensação de descoberta é a essência do game, pois nada é explicado de antemão. Porém, uma guia te ajuda a passar pelos momentos iniciais e como cumprir as primeiras missões. Depois disso, você vai explorando e descobrindo por conta própria o que o jogo reserva.

Mas não pense em nada com confrontos épicos ou Red Dead Redemption. The Trail é um game de desenrolar lento, com foco no relaxamento. Os gráficos são simples, apenas em low poly. Mas ainda assim, consegue entregar planícies belíssimas.

– Opinião

The Trail pega qualquer um. Você joga um pouco e decide explorar mais, e mais… e mais. O jogo é completamente offline. Há bônus para quem quiser jogar com a internet ligada, mas não é necessário. Você pode escolher qualquer fator que fez The Trail te cativar, mas com certeza, o fato do game ser diferente é o maior deles.

Link para Baixar no iOS (App Store)

Link para Baixar no ANDROID (Google Play)

Desenvolvedora: Kongregate
Publicidade: Sim | Jogo Offline
Contém compras embutidas: Sim
Requer Android 4.0 / iOS 8.0
Idioma: Português | Tamanho: 574 MB

Post Relacionados

Tags:, ,

WordPress Author Box

Quer colaborar? Envie sua dica para o e-mail: [email protected] Não se preocupe, não precisa ser um expert,basta ser apaixonado pelo assunto. Que assunto? Nossos amados jogos para celular.

  • ryder

    Eu tenho um android octa core e não consigo rodar o jogo sem lag

  • Cayo Franco Guiné

    Parei de ler quando chamaram o “eterna promessa” de genial.
    De genial esse cara não tem nada, é só um desenvolvedor qualquer que promete o mundo e não entrega nada, daqui a pouco vão chamar o cara que fez o No man’s sky de gênio também.

    • Dario Coutinho

      Devia ter lido o que vem logo em seguida. “E apesar de ter errado bastante nos consoles e PC, ele vem acertando em seus jogos mobile.”

      Ele tem seus defeitos. Principalmente depois das polêmicas do Milo e do Godus no PC. Mas nos smartphones, seus jogos caíram muito bem. Penso que ele encontrou o seu lugar na indústria.

      Eu acho engraçado esse pessoal que vem com 10 pedras na mão para atacar desenvolvedor. A culpa do Hype não é só de quem cria o jogo. Além do mídia, os usuários embarcam no trem do hype com tudo. Apenas para depois se decepcionar. Vejo isso bastante na cultura pop, seja em filmes, séries e até livros.

      • Cayo Franco Guiné

        Cara, ele mais erra que acerta, nenhum jogo dele ele entregou o que prometeu.
        Todos os jogos dele são medianos para bom e no caso dele ELE é quem cria o hype para seus jogos, assim como o cara de No Man’s sky ele promete mundos e fundos e não entrega nada.

        Não é pedra pra arremessar, é apenas falar a realidade, gênios são poucos no mundo, momentos “mitos” e “épicos” também mas atualmente tudo é genial, mitológico e epicamente atemporal.

        Molyneux é só mais um desenvolvedor comum ele não tem nada demais, o melhor jogo dele foi o Black & White e ainda sim entregou bem menos do que ele tinha prometido.

        A série Fable da até dó de falar de tão ridícula que foi perto do que ele havia prometido.

        • Dario Coutinho

          Pois calma aí cara. O “Genial” no texto é um elogio e não uma constatação científica metrificada por observação e teste de QI. hehe.

          Pra mim, todo desenvolvedor é genial. Tirar uma ideia do nada e colocar em algo para as outras pessoas admirarem, só merece o meu apreço.

          O problema do hype é a notícia. Hype é notícia boa (o que é diferente de boa notícia), é como se fosse o quadro policial de qualquer jornal. As pessoas consomem o hype com tudo. Ele gera ansiedade. Falta ética na mídia para “contextualizar” um pouco as coisas.

          Nem me venha com críticas ao desenvolvedor de No Man Sky. Todo mundo embarcou no trem do hype (todo mundo na indústria, dev, cliente, midia são culpados pela ilusão). Antes do jogo sair eu sabia que iria flopar.

          Quer coisa mais ridícula e hypada que pré-venda? Isso nem deveria existir! A indústria adora o hype e se os usuários compram na pré-venda, eles são parte do problema SIM!

          Aqui no site, sempre tentamos contextuar para ficar o mais claro possível. Basta ver a introdução do texto, onde citamos as polêmicas. Enfim, o texto não é sobre o Peter Molyneux, é sobre o seu game, Que é sim, um ótimo jogo mobile.

          Mas se você já criou uma “cisma” com esse desenvolvedor. Então, eu só lamento. Se fosse um jogo pago, eu até entenderia o seu receito, mas ele é freemium e ainda por cima, offline.

  • Crítico

    Interessante esse bônus para jogar conectado…