Dream League Soccer 2016: a simplicidade que destronou FIFA 16

Análise sobre o fenômeno Dream League Soccer. Uma franquia com foco diferente do FIFA da EA, mas que marca um golaço no quesito futebol.

dream-league-soccer-android-ios-1

A First Touch lançou Dream League Soccer 2016, um game de futebol que vai na contramão da concorrência. Ao apostar na leveza e gráficos mais modestos, o simpático jogo para Android e iOS, conquistou os jogadores por manter princípios, e modos, que FIFA perdeu ao longo do tempo. Confira por que esse jogo é um fenômeno de downloads no Brasil.

– Satisfazendo a audiência

Dream League Soccer já era um fenômeno antes mesmo de chegar na edição 2016. Anteriormente, a First Touch já havia alcançado o coração dos amantes de jogos de futebol com First Touch Soccer (FTS), o primeiro jogo de futebol da empresa. Dream League, nada mais é, que uma versão que adiciona a fórmula de administração de clubes.

FTS 2015 já era uma prévia de como seria DLS 2016.

FTS 2015 já era uma prévia de como seria DLS 2016.

Era o casamento perfeito. A ação de partidas online e administração de clubes. FTS e Dream League reinaram soberanos em dispositivos que não conseguiam rodar FIFA 14 e 15. Afinal, nem todo mundo de um a dois gigas de espaço, apenas para baixar e atualizar um game que DLS podia substituir. Porém, algo aconteceu. Com o lançamento de FIFA 16, a EA deixou uma grande parcela da audiência presa no FIFA 15, e pior, com um jogo limitadíssimo nas mãos.

Para colocar em termos práticos, FIFA 15 e 16, é como jogar um FPS com apenas um único online, por exemplo, “Capture the Flap”. Divertido? Sim, mas muito limitado.

Modo Multiplayer local!!!!!

Modo Multiplayer local!!!!!

É nesse cenário que DLS 2016 chegou em Abril. O game de futebol, lançado primeiro no iOS e depois no Android, surpreende por trazer algo a muito esquecido nas edições 2012 de FIFA e PES, modos multiplayer online e local. Desde os primórdios da criação de games de futebol, não ter o recurso de partidas versus é uma afronta. É como fazer jogo de Ping Pong singleplayer. A sensação de que está faltando é óbvia.

– Gráficos simples e controle satisfatório

Quando o assunto é gráficos, Dream League Soccer 2016 é bonito, mas não chega perto de FIFA 15 e muitos menos de FIFA 16. A modelagem dos jogadores é rasa, e muitos não se parecerem que os atletas que deviam representar. A movimentação e animações também são limitadas, será difícil ver movimentos variados e até quase acrobacias como em FIFA 16.

Gráficos não são o ponto forte de Dream League Soccer 2016.

Gráficos não são o ponto forte de Dream League Soccer 2016.

Já os controles são simples e satisfatórios, pois são os mesmos desde o primeiro FTS. Do lado esquerdo da tela está um analógico virtual e do lado direito três botês: A, B e C.

O botão B é usado para chute baixo e passe, ele também serve para roubada de bola. Já o botão A, é para chutar a bola um pouco mais alto. Sem a redonda, ele é usado para aplicar o famoso “carrinho”. O botão C é utilizado para lançamentos e cruzamentos. Sem a bola, o C serve para mudar de jogador. Com esse simples esquema de comandos, o game deixa o resto a cargo dos jogadores e da evolução de times.

DLS 2016 conta com dois modos singleplayer, um com eventos semanais e outro que se assemelha a uma campanha, onde o jogador passará por diversas ligas. Os modos multiplayer são dois, um online e outro que utiliza o WiFi local.

– Monte seu time

Em Dream League Soccer 2016, o jogador começa com um time básico. Ao vencer partidas, tanto no modo solo como no multiplayer online, é possível ganhar moedas douradas que podem ser utilizadas para comprar novos jogadores. Aqui, o diferencial, é que você compra e vende jogadores diretamente. Não há sistema de pacotes onde o jogo pode rolar os dados e deixar a diversão ainda mais lenta.

O sistema de compra e venda de jogadores é bastante simples. Porém, adquirir novos jogadores exigirá muitas partidas, o que faz com que seja preciso escavar a opção atrás de trocas interessantes.

DLS 2016: Jogadores podem ser melhorados em vários aspectos.

DLS 2016: Jogadores podem ser melhorados em vários aspectos.

Caso o seu time esteja cheio de jogadores ruins, há a possibilidade de treiná-los na opção “Meu Clube” e em seguida “Desenvolvimento do jogador”. O modo Meu Clube ainda revela os “Objetivos” que funcionam como missões, que possibilitam ganhar mais moedas douradas. Além disso, a opção apresenta Estatísticas e um esquema para construir o seu estádio, permitindo mais espectadores, e consequentemente, maior renda.

Do ponto de vista tático, o jogo é um pouco limitado. Há apenas opções tipo 4-4-2, 5-4-1 e por aí vai. Cada opção de esquema tático, possui modos defensivos, neutro e ofensivos, e o jogador pode fazer alterações no seu time a qualquer momento, mesmo em uma partida online.

– PES 2016 no DLS 2016

A First Touch criou um sistema genial para prevenir mods e versões não autorizadas. Ela criou a possibilidade de criar mods no próprio jogo. A partir de links na internet, gamers pode adicionar clubes personalizados. Quer jogar com o Flamengo, Corinthians, Vasco, Barcelona ou Palmeiras. Basta procurar o link dos clubes na net. Existem diversos blogs especializados em fornecer esses kits.

Sistema de kits permite editar a camisa "na mão" ou baixar uma personalizada na web.

Sistema de kits permite editar a camisa “na mão” ou baixar uma personalizada na web.

É uma ideia que já está dando certo e já é possível ver vários clubes brasileiros criados pelos jogadores. Além de empurrar para os jogadores a questão do licenciamento dos clubes, a instalação de kits resolve o problema dos mods alá “PES 2016 para Android” que costumam aparecer por aí.

– Conclusão

Dream League Soccer está longe de ser o jogo de futebol perfeito. Atualmente ele apresenta problemas de sincronização com a Google Play. Seus gráficos são modestos e a limitadores de energia nos jogadores (eles ficam cansados com o tempo). Porém, o jogo tem as ferramentas certas para a diversão básica de quem gosta de ver a bola rolar: modos multiplayer e personalização de times.

+Prós

  • Modos multiplayer local e online
  • Monetização descomplicada
  • Comandos simples
  • Kits
  • Licença com os nomes dos jogadores de clubes europeus

-Contras

  • Gráficos medianos

Nota 7/10

Ficha Técnica

Plafaformas: Android 4.0+,  iOS 7+

Tamanho: 289 MB

Idioma: Português

Resumo
Author Rating
3 based on 111 votes
Nome
Dream League Soccer 2016
Plataforma
Adnroid e iOS
Software Category
Jogo gratis
Preço
0,00 Grátis
Link

Post Relacionados

Acompanha o mercado de jogos para celular desde 2001, sabe a diferença entre N-Gage 1 e 2, e já conhecia jogos de smartphones antes de iPhone e Android nascerem. Também é Retro Gamer nas horas vagas. Meu Perfil do Google+

  • Leo Marcos Santos

    596MB?

  • Gabriel Nogueira

    Quando lança para Windows Phone ?

  • Leo Marcos Santos

    Gráficos horrível

  • João Victor

    289* MB

  • Victor

    kkkk achei engraçado a cara do neymar no game kkkkkkkkk

  • Anderson Silva

    Multiplayer local isso é simplesmente incrivel nota 10 para esse jogo e nota 20 por ser offline.

  • Anderson Silva

    Sonho ver fifa 17 gratis ser offline como o fifa 14 internet opcional e nao obrigatoria modos (partida rapida “fifa 14, multiplayer local e o champions libertadores e o que eles quiserem colocar a mais se você pudesse posta isso pra alguem la da ea pra eles fazerem assim se eles quererem claro mais é isso e valeu muito bom seu site “fã de fifa 14 ainda o melhor jogo de futebol pra android e ios”!

  • Matuzalém Cruz de França

    Parabéns pela excelente matéria, mas voçês deveriam lançar mais matérias com uma certa frequência. Parabéns

    • mobilegamerbr

      Obrigado pelo cmentário Matuzalém. Vamos seguir a dica! Mas temos poucos redatores.

  • BRplayer

    Dário, posso colocar um link de um blog que tem varios kits? Inclusive eu sempre baixo lá, tem de praticamente todos os times brasileiros.

  • Ricardo Braga

    O jogo é muito bom Parabéns aos desenvolvedores, porém ocorre um “bug” nos controles e os mesmos ficam travados. Mas no mais estão de parabéns!!
    Se puderem dar alguma orientação quanto a esta questão.